Fundhas realiza celebração de encerramento do ano

A celebração contou com a apresentação da tradicional Banda da Fundhas – Foto: Adenir Britto/PMSJC

Marcia Cury
Fundhas

Na tarde desta quinta-feira (23), a Fundhas (Fundação Hélio Augusto de Souza) realizou a celebração de final de ano com o tema “Respeito ao Próximo”. O evento recebeu aproximadamente 300 pessoas.

A celebração contou com a apresentação da tradicional Banda da Fundhas, que entusiasmou o público com os instrumentistas e o corpo coreógrafo. Houve também apresentação de Flauta Doce da instituição.

Foi realizado um culto ecumênico com a presença de duas entidades. O padre Marcelo José de Carvalho Moura, da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, é ex-atendido da Fundação. Ele ressaltou a importância do evento. “É muito importante porque valoriza o jovem, valoriza a criança e, acima de tudo, valoriza os profissionais que a Fundhas tem também. É um momento de confraternização e de gratidão”, afirmou.

O ministro da Igreja Batista, Leonel Teixeira Chagas, comentou a importância do tema da celebração. “Foi muito bem escolhido. Respeito ao próximo é princípio bíblico, de acolher e respeitar a todos. Independentemente da classe social, do credo, da religião, da cor da pele, do sexo, nós devemos acolher a todos. Fazendo isso, podemos dizer que somos filhos de Deus, porque Jesus Cristo nos ensinou acolher a todos”, disse.

Retrospectiva

Em 2021, a Fundhas ampliou o atendimento aumentando a capacidade das unidades e abriu mais de duas mil vagas para crianças e adolescentes, representando mais de 25 mil pessoas impactadas em todos os programas e projetos.

Na qualificação profissional, foram 19 mil vagas abertas em cursos a distância oferecidos pelo Cephas (Centro de Educação Profissional Hélio Augusto de Souza).

A instituição inovou também com a reforma das unidades, modernização dos ambientes, aquisição de novos equipamentos de tecnologia educacional e infraestrutura.