Fundhas abre 1.600 novas vagas para crianças e adolescentes na segunda




A Fundhas (Fundação Hélio Augusto de Souza) vai ampliar o atendimento e abrir 1.600 novas vagas para crianças e adolescentes (de 6 anos até 16 anos e 11 meses) de São José dos Campos. As inscrições começam na próxima segunda-feira (3) e seguem até o dia 6 de julho. Essa é uma oportunidade de integrar o maior projeto social do município, que oferece diversas atividades complementares e cursos profissionalizantes no contraturno escolar.


Com essas novas vagas, vão somar 2.100 crianças e adolescentes inseridos na fundação somente neste primeiro semestre. No ano passado inteiro, foram abertas somente 495 vagas.  A disponibilização das vagas foi possível graças a um estudo criterioso da atual gestão que, entre outros itens, otimizou os espaços físicos e os recursos humanos para atender a essa nova demanda.


A Fundhas atua no contraturno escolar, oferecendo atividades diferenciadas para os alunos possibilitando um ensino integral de qualidade, pois conta com um quadro de profissionais altamente qualificados.


Para as crianças são oferecidas atividades como música, dança, teatro, artes e um cuidado especial no reforço escolar. Atividades esportivas e culturais fazem parte do dia a dia das crianças que também aprendem a cuidar do meio ambiente. O atendimento totalmente gratuito inclui alimentação, uniforme e transporte.


Aos 15 anos, os adolescentes participam da formação profissional iniciada, podendo optar por um dos cursos oferecidos pela Instituição. Podem escolher ser padeiro, confeiteiro, cabeleireiro, mecânico, eletricista automotivo, eletricista, auxiliar administrativo, web designer, recepcionista, promotor de vendas, almoxarife, operador de telemarketing, hardware, além de poder fazer o curso de inglês básico.


Após os cursos e a aprovação em processo seletivo interno, os jovens têm a oportunidade do primeiro emprego por meio do Programa Aprendiz, onde passam a ter carteira de trabalho assinada e todos os direitos trabalhistas assegurados pela lei. Como aprendizes, são encaminhados para as empresas parceiras da Fundhas.


Vitório Martins Soares, 13 anos, e Jhennyfer Serra dos Santos, 12 anos, são alunos que entraram neste ano para a fundação. Ele é aluno na Unidade Parque Industrial (Sede-região sul) e conta está muito feliz. “Eu gosto muito daqui porque sou bem recebido, tomo café da manhã, brinco, almoço e ainda aprendo”, ressaltou. Jhennyfer afirma que adora praticar esportes e que sua a sua aula preferida é educação física. “Todos aqui nos recebem muito bem, os professores são muito legais e eu já tô aqui na dúvida se vou fazer informática ou vou ser cabeleireira”, disse.


30 anos de atividade


Em abril, a Fundhas completou trinta anos de serviços prestados. Ao longo desses anos, a Instituição já contribuiu com a formação de mais de 30 mil crianças e jovens que viram em seus projetos a possibilidade de realização dos sonhos e de crescimento profissional. Atualmente, mais de 4 mil estão inseridos nos programas sociais.


Nesse período, a Fundhas participou ativamente dos debates e discussões para a criação do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), buscou parcerias com pequenas e grandes empresas para que pudesse dar a oportunidade do primeiro emprego e criou uma escola técnica para oferecer cursos de qualidade à população de São José dos Campos – o Cephas (Centro de Educação Profissional Hélio Augusto de Souza), que hoje é referência em qualificação profissional.


Inscrições


Crianças e adolescentes já inscritos anteriormente não precisarão fazer nova inscrição. Todos os inscritos serão selecionados de acordo com critérios socioeconômicos e número de vaga disponíveis por unidade. O início das atividades para os selecionados será em agosto.

Para se inscrever, pais ou responsáveis devem comparecer munidos de documentação completa. Estão sendo disponibilizados cincos postos de inscrição e uma equipe composta por profissionais das áreas administrativa e social para receber as famílias interessadas no processo de inscrição.  


Documentação necessária

  • Declaração escolar com série, horário e número do RA (registro do aluno) do candidato e desde que ano estuda na unidade escolar (data);
  • Cartão SUS do candidato;
  • RG ou certidão de nascimento e CPF do candidato;
  • RG ou certidão de nascimento de todos os que moram na casa;
  • CPF de todos os que moram na casa acima de 16 anos;
  • Carteira de trabalho de todos os que moram na casa acima de 16 anos;
  • Comprovante de endereço (conta de água, luz, telefone) recente;
  • Comprovante de tempo de residência no município (mínimo de 2 anos consecutivos): declaração escolar (desde que ano estuda na escola) ou declaração de UBS (Unidade Básica de Saúde) ou conta de luz ou água (antiga) em nome do responsável;
  • Comprovante de renda (holerite, recibo de pensão alimentícia,  recibo de benefícios ou de aposentadoria, ou de outros programas sociais) de todos que moram na casa.


Locais de inscrição


Região Central

Unidade Professor Jorge Luiz Alegre

Rua Antônio Saes, 485 – Centro. (12) 3921-9165


Região Norte

Unidade Bernardo Alberto Rohde

Rua Hélcio Péricles de Faria, 50 – Vila Cristina. (12) 3941-3822


Região Sul

Unidade Profissionalizante Dom Bosco

Av. João de Oliveira e Silva, 757  - Campo dos Alemães. (12) 3966-1200


Unidade Sede - Triagem

Rua Santarém, 560 – Parque Industrial.       (12) 3932-0567


Região Leste

Unidade Leste

Rua Rodolfo Scarpa, 361 – Jardim Rodolfo.     (12) 3902-7508



Serviço


De 3 a 6 de julho

Horário: das 8 às 16 horas

 



Fonte: Assessoria de Comunicação - FUNDHAS
 
[Voltar]   [Índice de Notícias]